chá para cistite

chá para cistite= Uma das inflamações mais inconvenientes e doloridas para as mulheres, a cistite, ataca a bexiga através de bactérias que se deslocam para a uretra.

Muito comum entre mulheres adultas e em período fértil, a cistite é uma infecção urinária e pode ser frequente.

Quem já sofreu os sintomas sabe bem o quão dolorido passa a ser o natural ato de urinar, com dores agudas e prolongadas.

A cistite pode ocorrer em homens quando a infecção na uretra se estende à próstata, mas é consideravelmente mais raro se comparado com a incidência de cistite em mulheres.

O tratamento para cistite pode ser através de remédios tradicionais, geralmente antibióticos, receitados por um clínico geral. Mas há recursos mais naturais que podem aliviar a dor e até , em alguns casos, exinguir o problema.

Algumas infusões podem aliviar muito as dores e é importante beber bastante água para , não só hidratar o corpo, quanto para ajudar o organismo a limpar toxinas.

Um problema comum entre as mulheres que sofrem cistite é a dor na hora de urinar. Por conta disso, muitas, equivocadamente, param de beber água e ingerir líquidos. Mas é importante assegurar excelente hidratação para uma limpeza eficiente no organismo.

Chás que auxiliam no tratamento da cistite

Tradicionalmente, o chá ou suco de mirtilo, conhecido também como oxicoco ou cranberry vem sendo usado com sucesso como anti-inflamatório natural no auxílio ao tratamento da cistite.

A frutinha vermelha, geralmente abundante em países de clima mais temperado e mais rara em países de clima tropical, não é, por isso, encontrada facilmente no Brasil.

Para a nossa sorte, há chás que funcionam tão bem ou até melhor que o chá de mirtilo no alívio dos sintomas da cistite.

Chá de tomilho contra cistite

O tomilho é um excelente antibiótico natural e é bastante eficaz no combate às bactérias que invadem a uretra causando cistite. Use folhas frescas e infuse em água quente por 5 minutos. Fica a seu critério filtrar o chá ou não. Tome de 4 a 5 copos por dia.

Chá de calêndula contra cistite

flor de calendula
imagem:reprodução/internet

Outro chá que oferece propriedade antibióticas é o chá de calêndula. A flor, muito conhecida no país inclusive por outros nomes como margarida laranja e verrucária, é uma flor comestível e usualmente vista em decoração de pratos como saladas.

A calêndula, apesar de pequena é poderosa e tem características e benefícios inquestionáveis para o bem estar. Com propriedades anti-inflamatórias, analgésicas e cicatrizantes, a infusão de calêndula é um dos chás mais recomendados para o tratamento natural da cistite. A recomendação é que se consuma o chá de 3 a 4 vezes por dia para aliviar a inflamação.

Chá de equinácea para tratar cistite

flor de equinacea
imagem:reprodução/internet

Um chá menos conhecido que auxilia no tratamento da cistite é o chá de equinácea. Originária na América do Norte e muito utilizada por nativos daquele país, a equinácea é também conhecida com púrpura. A utilização da equinácea para tratamento de inflamações e algumas doenças nos órgãos femininos é bastante divulgada.

A equinácea é útil no tratamento de candidíase e infecção urinária, inclusive e especificamente a cistite por ser antibiótica e anti-inflamatória. Apesar das flores serem usadas, às vezes, em pratos, o chá deve ser feito com a raiz ou as folhas. O consumo recomendável é de 2 vezes por dia e deve-se coar a infusão antes de beber o chá. Aponta-se neste tipo de chá, alguns efeitos colaterais como febre, vômito e coceira. Geralmente ele não é indicado para quem sofre de asma ou bronquite porque pode provocar o agravamento de crises.

Chá de trapoeraba para tratar a cistite

imagem:reprodução/internet

Este chá pode não ser tão conhecido, mas faz parte da lista de chás que irão acabar com a infecção na bexiga. Esse chá é um poderoso diurético e isso ajuda muito às pessoas que estão com a infecção. Toda as doenças do trato urinário podem ser tratadas com o chá de trapoeraba.
Essa planta é relativamente comum em nosso país, existem várias espécies dessa planta com variação de formas e cores. Outro benefício dessa planta é que ela também ajuda a baixar um pouco a pressão arterial. A trapoeraba é uma planta comestível que pode ser ingerida se for cozida por causa que ela crua possui substâncias que sobrecarregam os rins. O chá de trapoeraba é feito em infusão.

Chá de douradinha para cistite

imagem: reprodução

Mais um chá para nossa lista de ervas que tratam a infecção na bexiga está a douradinha. Essa planta possui propriedades anti-inflamatórias, diuréticas e analgésica que são coisas importantes para quem está com cistite. Comprovadamente o chá de douradinha pode ajudar muito quem está com essa infecção.
Outras propriedades desse chá é que ele é fortalecedor do coração e um expectorante, além de melhorar o nossos sistema de defesa contra doenças.
O chá de douradinha é feito com suas folhas, cascas e até ramos. Esse chá é feito em infusão de maneira muito simples.

Chá de cana do brejo para tratar cistite

planta cana de macaco
O chá de cana do brejo é excelente para o tratamento de infecções do trato urinário como a cistite. Essa planta é bastante popular e conhecida em alguns lugares como cana de macaco. Essa planta é excelente para várias coisas como problemas de rins, infecção urinária, disenteria, diarreia e diabetes.
É uma planta muito fácil de ser encontrada e que traz muito benefícios para quem está com infecção na bexiga. O chá de cana do brejo pode ser feito com as folhas frescas na proporção de duas colheres de sopa picada para um litro de água.

Chás diuréticos para tratar a cistite

Chás diuréticos que estimulam a produção de urina, fundamental na desintoxicação do organismo, são o chá de cavalinha e o chá de dente de leão.

O chá de cavalinha, por exemplo, tem agentes que atuam de forma muito convincente e eficaz no tratamento ou alívio de sintomas da cistite. Usado desde a Roma e Grécia antigas, a planta apresenta uma lista de benefícios impressionantes. Algumas fontes afirmam inclusive que a cavalinha ajuda na prevenção do câncer. Claro, essa é uma afirmação que deve ser sempre questionada e um acompanhamento médico é sempre indicado para qualquer doença que se agrave ou persista.

Mais um dos benefícios mais divulgados e testados no chá de cavalinha é sua ação anti-inflamatória e seu poder de aumentar o sistema imunológico, dois pontos chaves para a prevenção e o tratamento de infecções como a cistite.

O excesso de potássio pode agravar os sintomas da cistite. Por isso é recomendável evitar chás como de carqueja que são ricos precisamente em potássio.

É interessante apontar que a cistite pode ter causas emocionais. Os chás de tomilho e equinácea podem ajudar a reduzir o estresse. Lembre-se de sempre consultar um médico ou um especialista se os sintomas de agravarem ou persistirem.