Chás para infecção na bexiga

A infecção na bexiga é uma das infecções do trato urinário, e é também conhecida como cistite. A cistite é uma infecção na bexiga que geralmente é causada por bactérias. Ela geralmente ocorre nas mulheres, pois têm a uretra menor e a aproximação entre a vagina e com o ânus, onde tem inúmeras bactérias, é pequena.

Os sintomas da infecção na bexiga incluem dor e ardência ao urinar, dificuldade para iniciar a micção, vontade frequente de urinar, sangue na urina, e urgência ao urinar. Em alguns caso podem ter febre. O diagnóstico pode ser dado através do exame de urina e o tratamento é feito com o uso de antibióticos. Entretanto, é possível tratar essa infeção com o consumo de chás de plantas medicinais, alguns desses chás para infecção na bexiga serão descritos a seguir.

CHÁ DAS CASCAS DE CAJU

O caju é uma fruta muito saborosa e nativa do Brasil. O nome científico do Caju, encontrado geralmente no litoral do nordestino é Anacardium accidentale. Outra espécie do caju que é comumente encontrado nos interiores do Brasil é o Anacardium Humile, e é menor que o accidentale.

O chá da casca do cajueiro é indicado para tratamentos das infecções intestinais porque ele tem princípios ativos que inibe as inflamações e também ajuda a diminuir as dores provocadas pela inflamação.

Outro fator importante, é que o chá das cascas de caju é diurético e quem sofre de infecção na bexiga é aconselhado a tomar bastante líquido para eliminar as bactérias.

O chá deve ser feito com 2 colheres de sopa da casca picada para cada um litro de água. Leve a água juntamente com a casca do caju para ferver por 10 minutos, feito isso espere mais 10 minutos para repousar. Depois de coar o chá pode ser servido.

CHÁ DE AÇAFRÃO

O açafrão é muito utilizado como corante alimentício. O principal princípio ativo do açafrão é a curcumina. Apesar de ser muito utilizado na culinária o açafrão tem propriedades anti-inflamatórias e de minimizar a proliferação de bactérias, por isso é o chá de açafrão é excelente no combate a infecção da bexiga.

O chá pode ser preparado tanto com suas raízes quanto com o pó do açafrão (cúrcuma). O chá deve ser preparado por infusão, leve ao fogo 1 xícara de água e quando levantar fervura desligue o fogo e acrescente 1 colher do pó ou 1 colher na raiz picada. Tampe e deixe repousar por 10 minutos.

PRECAUÇÕES: O chá do açafrão deve ser tomado com cautela, pois consumir o chá com doses elevadas pode causar dores de estômago, enjoo, vômito. Mulheres gestantes e lactantes devem procurar um médico ante de iniciar o tratamento com o chá de açafrão.

CHÁ DE DOURADINHA

A Douradinha é muito conhecida no Brasil. Existem duas espécies de Douradinha: Waltheria Indica e a Waltheria douradinha. Ambas possuem as mesmas propriedades medicinais. Usa-se muito as raízes e as hastes tem propriedades analgésicas e anti-inflamatórias, combate dores e inflamações, e o chá é usado principalmente nos casos de cistites e infecção urinária. Suas folhas são diuréticas e também é outro fator que ajuda no tratamento das infecções na bexiga.

O chá da douradinha também pode ser feito por infusão utilizando a sua raiz, galhos e folhas, na proporção de 1 colher de sopa da planta picada para cada xícara de água.

CHÁ DE CHAPÉU DE COURO

O chapéu de couro, é encontrado em dois tipos: Echinodorus Grandiflorus, que tem folhas grandes e o  Echinodorus Macrophyllus, com folhas menores, mas ambos tem as mesmas propriedades medicinais.

Ele ajuda no tratamento da infecção na bexiga por ser diurético e anti-inflamatório. O chá deve ser feito utilizando as suas folhas e por infusão.

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.