3 receitas caseiras para reconstrução capilar caseira

O que é, benefícios e vantagens daquela realizada em salões de beleza

Quando a cutícula de um cabelo fica danificada, o cabelo fica seco e perde seu brilho.

Outros sinais de cabelo danificado incluem textura quebradiça ou áspera, pontas divididas, quebras, couro cabeludo e sem elasticidade.

Seu cabelo pode ficar danificado por uma variedade de razões.

Algumas causas comuns incluem

  • lavagem excessiva com álcoois e sabões ásperos;
  • exposição ao clima seco e quente;
  • uso de ferramentas de aquecimento como secadores;
  • exposição a raios de sol ultravioleta (UV) nocivos;
  • natação em água clorada;
  • falta de umidade nos cabelos;
  • uso de tratamentos químicos;
  • fricção devido a dormir em fronhas de algodão;
  • estresse.

Embora o corte seja a melhor maneira de se livrar dos cabelos danificados, você também pode tentar alguns remédios caseiros naturais, seguros e efetivos para ajudar a reparar seus cabelos aborrecidos e sem vida.

No entanto, o cabelo danificado não pode ser reparado apenas em um dia ou uma semana.

Vai levar tempo e paciência para obter o resultado desejado.

Benefícios e vantagens de um tratamento natural

Nos salões, um tratamento de reconstrução capilar normalmente será químico.

Ele trará resultados, dependendo do tamanho do dano sofrido, mas poderá também afetar a saúde dos fios pelos componentes presentes.

Outra vantagem é que um tratamento natural, apesar de ser a longo prazo, restabelecerá a saúde dos fios, fornecendo vitaminas e suplementos necessários para que o seu cabelo permaneça saudável e não somente durante o período de tratamento.

Além de que os custos serão bem menores.

Principais tratamentos

1. Azeite

O azeite é muito bom para os cabelos danificados.

Embalado com ácidos graxos, vários antioxidantes e vitamina E, o óleo de oliva cura as camadas danificadas selando a cutícula com umidade.

Ele também protege o cabelo contra danos adicionais.

Aplique óleo de azeite quente no seu couro cabeludo e cabelos.

Massa suavemente por alguns minutos e, em seguida, cubra seu cabelo com uma toalha quente.

Deixe-o em pelo menos 30 minutos ou durante a noite.

Finalmente, shampoo e condicione seu cabelo. Siga este remédio pelo menos uma vez por semana.

2. Abacate

O abacate cobre e amacia o cabelo para mantê-lo hidratado e flexível.

Também pode evitar danos nos radicais livres ao seu cabelo no futuro.

Dependendo do comprimento do seu cabelo:

  • misture a polpa de ½ ;
  • 1 abacate maduro;
  • 1 a 2 colheres de chá de azeite em um liquidificador.

Aplicá-lo ao seu cabelo, deixe-o por cerca de 1 hora e depois lave-o.

3. Ovo

As gemas de ovo possuem proteínas, minerais e ácidos graxos essenciais que podem nutrir os fios de cabelo e transmitir um brilho natural.

Além disso, as enzimas em clara de ovo ajudam a limpar seu cabelo e seu couro cabeludo.

  1. Aplique 1 ovo batido em seu couro cabeludo e cabelo por alguns minutos.
  2. Deixe agir.
  3. Em seguida, enxaguar com água fria e shampoo como de costume.

Receitas de chás termogênicos

Quando falamos em bebidas termogênicas, estamos falando em bebidas que aumentam o nosso metabolismo e, por conta disso, fazem com que nosso corpo tenha mais facilidade em emagrecer.

É por isso que os chás termogênicos são muito procurados por pessoas que querem perder peso, já que eles impulsionam a queima de gordura.

Neste artigo você conhecerá chás termogênicos, além de conhecer dicas essenciais para perder peso.

Acompanhe.

1. Chá verde com canela

O chá verde é uma bebida natural que é tida como excelente na sua função de acelerar o metabolismo.

Dessa forma, os processos metabólicos corporais acontecem de forma mais rápida, o que faz a pessoa emagrecer.

Além disso o chá verde é rico em antioxidantes e é excelente para a digestão e para o coração.

A canela funciona como um complemento da função termogênica do chá verde, então, para fazer esse chá, basta acrescentar um pouco de canela em pó no chá verde já preparado.

É recomendado que você tome duas vezes por dia, sendo a primeira de manhã e a segunda à tarde.

O chá verde não é recomendado para crianças para quem tem hipertensão, grávidas, lactantes e para quem vai consumi-lo meia hora antes ou depois das refeições, pois o chá verde diminui a absorção de ferro.

Se você tem anemia, deve consumir o chá entre as refeições.

Se você toma alguma medicação, converse com seu médico sobre consumir o chá verde.

A canela é contraindicada para grávidas, lactantes, quem tem problemas digestivos, como úlceras intestinais, doenças cardíacas e para quem faz uso de antibióticos.

2. Chá de casca de maçã com canela

A casca de maçã é importante no processo de emagrecimento, e por isso é ideal comer a casca quando for comer a fruta, claro que sempre lavando bem antes.

A casca da maçã tem propriedades de construção muscular e ajuda na perda de peso.

Quando misturado com a canela em um chá, você tem o remédio perfeito para aumentar o metabolismo, pois essa bebida é termogênica e vai te ajudar a perder os quilos que você precisa.

Para a infusão você deve descascar três maçãs e colocar a casca delas junto a um litro de água, para ferver.

Assim que iniciar o processo de fervura, você precisa despejar uma colherada de canela em pó e beber o chá ao longo do dia.

3. Chá de gengibre com abacaxi

O gengibre é possivelmente a raiz que contém mais propriedades de cura para o nosso corpo, e o chá de gengibre com abacaxi é, além de delicioso, saudável e ainda propicia o emagrecimento.

É uma bebida que acelera o metabolismo por ter propriedades termogênicas, o que auxilia no processo de emagrecimento principalmente quando você faz exercícios físicos regulares.

Primeiramente, você precisa fazer o chá de gengibre fervendo meio copo de água fervente com uma colher de sopa de gengibre.

Não tem problema fazer uma quantidade maior, basta usar valores proporcionais para que o chá não fique muito forte ou muito fraco.

Quando a infusão estiver pronta, você deve passar duas fatias de abacaxi pelo processador.

O suco resultante deve ser misturado com o chá de gengibre. Você pode beber esse chá duas vezes por dia, sendo uma pela manhã e outra à noite, antes de dormir.

O chá de gengibre não é recomendado para pessoas que tomam anticoagulantes, para mulheres grávidas e lactantes, para quem está sob tratamento da hipertensão, tomando injeções de insulina e para quem está abaixo do peso ou sofre de hemofilia.

Se você tem problemas cardíacos, não pode consumir esse chá por mais de 4 dias seguidos.

4. Chá verde com pimenta caiena e mel

Está aí talvez a melhor infusão deste artigo, já que contém três ingredientes termogênicos.

Em especial, temos a pimenta caiena, que acelera bastante o metabolismo e propicia a perda de peso.

Se você quer emagrecer, há dois motivos para você beber essa infusão.

O primeiro é que acelera o metabolismo, e o segundo é que reduz a sua fome, de modo que vai evitar que você belisque a comida e acabe comendo mais do que deveria.

Para preparar a infusão, você precisa preparar primeiramente o chá verde, para depois adicionar só uma pitada de pimenta caiena — é importantíssimo que você coloque bem pouco, pois caso contrário não pode ser tomado — e uma colher de mel.

Dicas

As dicas abaixo foram selecionadas para te ajudar a queimar gordura.

Preste atenção nelas e tente seguir o maior número de dicas ao mesmo tempo. Acompanhe.

  1. Você pula refeições? Muita gente acredita que, se pular algumas refeições, vai emagrecer. Mas isso é um erro, pois, quando você pula uma refeição, seu corpo pode fazer reservas de gordura. Ou seja, o ideal é fazer 6 refeições por dia, e lembre-se que o café da manhã tem muita importância.
  2. Alimentos ricos em ômega 3, como o atum e o salmão, ajudam a acelerar o metabolismo, além de ter outros excelentes benefícios. Outros alimentos, como a aveia e alimentos de linha integral, não têm ômega 3, mas também ajudam a emagrecer.

5 receitas caseiras para retenção de líquido

A retenção de líquidos é um problema que faz com que parte dos líquidos consumidos sejam absorvidos pelo corpo, o que faz com que de um dia para o outro você já não consiga vestir aquela roupa que costumava servir.

Quando os líquidos são retidos pelo nosso organismo, nosso abdômen, tornozelos e pernas podem parecer e ficar mais inchados, então, se você está aqui por causa disso, continue lendo o artigo, pois nele há receitas caseiras para retenção de líquido.

Esse problema de saúde pode ser causado por conta de diversos fatores, como as flutuações hormonais em que temos a síndrome pré-menstrual, por exemplo, o sedentarismo, doenças cardíacas, hepáticas e problemas de hipertensão, além do estresse e os efeitos colaterais de medicamentos.

1. Chá de boldo

O boldo é uma planta muito interessante para se ter em casa, uma vez que é bastante benéfica para o nosso corpo.

O boldo contém a isoquinolina e os quinolizidinicos, que são muito importantes para minimizar o efeito da retenção de líquidos, já que promove uma melhora da circulação.

Para fazer o chá você apenas precisa colocar:

  • seis folhas de boldo em uma xícara de água fervente;
  • deixe descansar por 5 minutos e beber pouco a pouco.

Você deve beber essa infusão no café da manhã e depois de suas refeições principais.

O chá de boldo não é indicado para grávidas e lactantes, além de pessoas que sofrem de obstrução das vias biliares.

2. Chá verde

O chá verde é um dos produtos mais respeitados quando se fala em retenção de líquidos, pois contém propriedades depurativas que promovem o aumento da diurese, que é a secreção da urina.

Dessa forma, os líquidos em excesso retidos são eliminados e você poderá perceber a diferença.

Você pode beber até 3 xícaras de chá verde por dia, e o mais indicado é que você adoce a bebida com mel, e não com açúcar, pois é mais saudável.

O chá verde não é recomendado para crianças, mulheres grávidas ou que amamentam, para pessoas que vão tomá-lo em jejum e para pessoas hipertensas.

O chá verde dificulta a absorção de ferro e outros minerais, então não é bom consumi-lo no período de meia hora antes a meia hora depois das refeições.

3. Chá de dente-de-leão

É possível que você já tenha visto os dente-de-leão, e eles não são apenas bonitos.

Na verdade o consumo do chá de dente-de-leão favorece a diurese por conta de seus efeitos depurativos, e, além disso, é uma bebida mais leve do que as anteriores.

O chá de dente-de-leão elimina os líquidos em excesso, ajuda na melhora da circulação dos rins e purifica o sangue.

Você pode consumir duas vezes ao dia, sendo a primeira no café da manhã e a segunda no meio da tarde.

Basta acrescentar algumas folhas ou flores dessa planta na água e colocar para ferver.

Depois você apenas precisa coar e beber devagar.

O chá de dente-de-leão não é recomendado para quem sofre com os cálculos biliares, pedras nos rins, azia ou refluxo, úlcera estomacal, para quem tem alergia ou consome determinados medicamentos, como os que possuem lítio e que aumentam a quantidade de potássio no organismo.

Também não deve ser consumido antes de tomar antibióticos.

4. Chá de cavalinha

Você conhece o chá de cavalinha? Se você tem retenção de líquidos e não conhece esse maravilhoso chá, deveria conhecer.

A cavalinha é uma planta cheia de sais minerais, em especial o silício, potássio e o magnésio.

É diurético, depurativo, desintoxicante e remineralizante, além de adstringente e antidiarreico.

Para aproveitar bem os benefícios, você pode tomar esse chá duas vezes para o dia e a infusão deve ser feita da seguinte maneira: colocando uma colher de chá de cavalinha para ferver em um copo de água.

A cavalinha não é muito saborosa, na verdade, muita gente a rejeita por causa do seu sabor, mas o gosto se torna tolerável quando você acrescenta hortelã ou anis na preparação.

O chá de cavalinha não deve ser consumido por grávidas ou mulheres que amamentam.

Também pessoas com gastrite, azia ou úlceras gastroduodenais, diabetes do tipo II, edema resultante de insuficiência cardíaca ou renal, deficiência de vitamina B1.

Outras pessoas que também não podem tomar o chá são aquelas com problemas cardíacos ou de hipotensão, alcoolismo

Também quem esteja usando adesivos de nicotina ou seja sensível a eles, toma anti-inflamatórios ou aspirina, por quem ingeriu álcool em excesso ou alimentos irritantes, como os picantes, além de pessoas que tomam medicamentos laxantes ou diuréticos.

5. Chá de bétula

Esse chá é feito com as folhas da árvore bétula, é rico em potássio, o que é ótimo para quem precisa consumir bebidas diuréticas.

Esse chá é ótimo para tratar a retenção de líquidos, mas além disso também funciona para tratar infecções do trato urinário.

É recomendado tomar de uma a duas xícaras desse chá por dia, sendo uma no café da manhã e outra no meio da tarde.

A medida para o chá é de uma colher de bétula para um copo de água.

O chá de bétula não é recomendado para mulheres grávidas e lactantes, para pessoas hipertensas e alérgicas.

8 receitas caseiras para febre

O estado de febre pode ser preocupante, mas ele é mais que isso.

É um indicativo de que há algo errado com você de que você foi acometido por uma doença ou infecção.

É como a dor, quando sentimos dor, é como se o nosso corpo nos avisasse que há algo de errado.

Neste texto você vai conhecer receitas caseiras para baixar a febre.

Qual é a temperatura normal de uma pessoa?

Uma pessoa tem a temperatura normal quando está entre 37.1 e 37.3, mas, se aumenta mais que isso, significa que pode estar acontecendo alguma coisa errada dentro do corpo dessa pessoa.

Felizmente, existem os remédios naturais para diminuir a febre, os quais você encontra abaixo.

1. Cebola

O suco da cebola é um grande aliado para o tratamento da febre.

Tudo o que você precisa fazer é cortar uma cebola em fatias e colocá-las no chão, para então pisar com os pés descalços sobre elas.

Dessa forma, o suco vai entrar no corpo.

Você deve ficar o máximo que puder nessa posição, e, se a pessoa com febre é uma criança pequena, você pode colocar as cebolas dentro das meias, para facilitar o contato.

2. Batata

Se você não dispõe de umas cebola para fazer o tratamento anterior, pode usar uma batata.

Basta cortar uma batata em fatias e colocá-las nas solas dos seus pés por dentro da meia.

Esse remédio é bastante eficiente e prático de fazer.

3. Compressas de argila

A argila é uma excelente ferramenta para liberar a febre.

Para isso, basta misturar em uma tigela um pouco de argila e algumas gotas de água até formar uma pasta úmida.

Depois disso, você precisa passar essa pasta na nuca, na testa e na barriga.

A ideia é deixar a argila nesses lugares, pois ela vai meio que absorver a febre.

4. Água gelada

Com a intenção de resfriar o corpo por dentro, você pode beber água gelada — ou então tomar um sorvete, se preferir —, pois isso certamente vai ajudar.

Você pode ingerir algo gelado, mas não pode, por exemplo, tomar banho com água gelada.

Muita gente diz que funciona, mas se a água estiver fria o corpo vai reagir se colocando em maior temperatura, a fim de evitar o resfriamento.

Se você quer tomar um banho, tome um banho de água morna, pois isso vai ajudar.

Além disso, você pode molhar a cabeça, as axilas ou as mãos com uma esponja úmida que também será benéfico.

5. Molhar as meias

Um tratamento ainda mais simples do que os com batata e cebola é mergulhar os pés em água morna ou quente, para em seguida colocar as meias em um recipiente com água.

O próximo passo é torcer as meias para que não vazem, e então colocá-las nos pés, deixando-os secar naturalmente com a temperatura do corpo.

Faça isso várias vezes, até a febre passar.

6. Argila verde

A argila verde também é muito boa para baixar a febre.

Para esse tratamento, você apenas precisa fazer uma compressa de argila verde misturada com água.

Ela deve estar úmida, mas não mole.

Você deve colocar essa mistura no peito e trocá-la por outra compressa quando estiver quente.

Esse procedimento deve ser repetido quantas vezes forem necessárias.

7. Chá de tomilho e camomila

Algumas infusões também são muito boas para tratar as febres, fazendo com que a temperatura de seu corpo diminua e você possa voltar a fazer as atividades de sempre com a mesma eficácia e disposição de antes.

Em um copo com água fervente, despeje uma colherada de camomila e uma de tomilho, as duas secas.

Coe e beba o chá várias vezes por dia.

A camomila é essencial para tratar a febre porque reduz a inflamação, enquanto o tomilho tem maravilhosas propriedades antissépticas.

O chá de camomila não é recomendado para grávidas, crianças menores de 5 anos e pessoas alérgicas à camomila ou alérgicas ao pólen.

O tomilho não é indicado para pessoas com problemas como úlcera gástrica, dispepsia ou dor de estômago, gastrite e intestino irritável, além de constipação, hipersensibilidade à planta ou gravidez.

8. Chá de canela com mel

O chá de canela com mel tem as propriedades que você precisa para recuperar a sua vivacidade e mandar a febre para longe.

Para isso, você precisa despejar uma colher de chá de canela em pó em uma xícara de água fervente, para então cobrir, deixar esfriar por três minutos, coar e beber depois de adoçar com uma colherada de mel.

Você deve beber uma xícara dessa infusão a cada hora.

A canela não é recomendada para quem está grávida ou amamenta.

Se você amamenta, pode tomar uma xícara de chá de louro para neutralizar os efeitos da canela.

É importante seguir todas as regras para um bom consumo, pois só dessa forma você vai unicamente se beneficiar dos chás.

5 receitas caseiras para espinhas

As espinhas são uma condição de pele bastante comum, mas nem por isso que elas se tornam mais agradáveis.

É a acne a causa das espinhas, que é formada por causa de uma infecção causada pelas alteração nas glândulas sebáceas.

Elas costumam estar mais presentes na adolescência, onde, em casos mais graves, as espinhas podem aparecer com bastante inflamação.

Entretanto, em alguns casos as espinhas persistem até a fase adulta, e é por isso que é ideal aplicar uma das receitas caseiras para espinhas que estão descritas abaixo.

Por que optar por uma solução natural?

Você pode optar por uma solução caseira por dois bons motivos.

O primeiro é que as soluções caseiras podem ser feitas com itens que custam bem mais barato e que também funcionam no combate às espinhas.

O segundo motivo é que, se você tem receio de investir em tratamentos e produtos médicos para espinhas, você pode se beneficiar sem sair da sua zona de conforto.

1. Bicarbonato de sódio

Se você é ligado a tratamentos com produtos naturais, provavelmente conhece o poder do bicarbonato de sódio para muitas coisas, como clarear os dentes e remover o tártaro.

Além desses e de outros benefícios, o bicarbonato de sódio ainda é bom para tratar as espinhas, pois funciona como um esfoliante suave para a pele.

O magnífico resultado é conseguido ao remover as células mortas e o excesso de gordura que bloqueia os poros, formando as espinhas, cravos etc.

Entre as principais vantagens do bicarbonato de sódio, encontram-se duas.

A primeira é a facilidade de encontrá-lo em lojas e supermercados, e a segunda é o preço bastante acessível.

O custo-benefício desse tratamento compensa muito.

Para o tratamento, você precisa preparar uma máscara contra as espinhas e para isso você precisa misturar em um recipiente:

  • duas colheres de sopa de bicarbonato de sódio;
  • uma colher de chá de canela em pó;
  • o suco de meio limão
  • cinco colheres de sopa de mel.

Parece muita coisa, mas é necessário apenas um pouco de cada, de modo que você consegue fazer o tratamento várias vezes.

Você precisa misturar os ingredientes até formar uma pasta, para depois aplicá-la no rosto e deixá-la agir de 5 a 10 minutos, depois enxaguando com água morna.

Se você não tem os outros ingredientes mas mesmo assim quer receber os benefícios do bicarbonato de sódio, basta umedecê-lo em água e aplicá-lo com uma massagem circular suave no rosto inteiro.

2. Aveia

A aveia é conhecida como um alimento muito saudável, mas além de poder ingeri-la é possível conseguir benefícios ao aplicá-la sobre a pele, a fim de diminuir o dano causado por espinhas e cravos.

A aveia é, portanto, essencial para proporcionar uma boa saúde para a pele, porque, assim como o bicarbonato de sódio, ajuda a remover as células mortas e estimula a eliminação do excesso de gordura.

Para aplicá-la, você apenas vai precisar misturar duas colheres de sopa de farinha de aveia, a polpa de um tomate ee uma colher de mel.

O mel, como você pode ver, é muito importante para a pele, pois conta com propriedades regenerativas.

Você deve misturar todos os ingredientes a fim de formar uma pasta, para então aplicar no rosto e deixar agir por 10 minutos.

3. Chá verde

E, se você é ligado nos benefícios dos chás e acompanha as indicações de nosso site, provavelmente sabe que o chá verde tem benefícios espetaculares para o nosso corpo.

Entre esses benefícios, você encontra o de reduzir a produção excessiva e sebo, além de reduzir a inflamação e as bactérias na pele.

Tudo isso junto pode fazer um estrago no rosto da pessoa, então aplicar o chá verde como uma máscara no rosto pode diminuir o dano causado.

Para preparar a pasta, você precisa misturar duas colheres de chá de folhas de chá verde com um pouco de água, e, depois disso, basta aplicar como um esfoliante e deixar agir de 3 a 5 minutos, para depois remover a mistura com água.

4. Casca de banana

Está aí um bom uso para a casca de banana que você joga fora após comer a fruta: servir como um esfoliante para a pele, a fim de reduzir as espinhas e os cravos.

A casca da banana tem a propriedade de regenerar a pele, o que faz com que seja mais difícil aparecerem espinhas e cravos.

Para fazer esse tratamento, basta pegar a casca de uma banana e esfregar a parte de dentro dela em todas as áreas do rosto em que há espinhas.

Depois da aplicação, você precisa deixar agir por pelo menos 30 minutos, para depois enxaguar com água morna.

5. Canela e mel

Este último tratamento é composto pela combinação da canela e do mel, que são muito úteis na regeneração da pele.

A canela possui propriedades antimicrobianas que diminuem as chances de a pele da pessoa ser acometida por bactérias.

O mel, por sua vez, é antibiótico, ou seja, desinfeta e reduz a inflamação das espinhas.

Para o tratamento com canela e mel, você precisa misturar duas colheres de chá de mel com uma colher de chá de canela em um recipiente, para formar uma pasta que deve ser aplicada no rosto ou nas áreas afetadas pelas espinhas.

Você deve deixar a mistura na pele por 15 minutos, para depois removê-la com água morna.

Receitas caseiras para compulsão

Uma alimentação balanceada em que você consome o que precisa na quantidade que precisa é essencial para manter uma saúde invejável.

Entretanto, por algum motivo algumas pessoas passam a comer mais do que é o necessário, o que faz com que elas acumulem um peso que as deixam com uma aparência inchada.

Se você come demais e quer receitas caseiras para compulsão alimentar, continue lendo este artigo.

Você vai se surpreender.

Por que as pessoas comem demais?

As pessoas podem comer em excesso por diversos motivos, mas o que é sabido é que a questão psicológica pode influenciar muito, uma vez que a pessoa tem uma falta e precisa compensá-la com algo.

Algumas pessoas recorrem a vários tipos de vícios, uns tantos prejudiciais quanto esse, mas o vício em comida ainda é comum e tão pouco entendido.

Receitas caseiras para compulsão

Diversos remédios inibidores de apetite — mesmo que isso seja apenas um efeito colateral — são feitos atualmente, mas muitas pessoas ainda preferem recorrer às receitas caseiras para tratar a compulsão por comida.

Abaixo, você encontra os remédios caseiros para tratar esse problema que estão ganhando cada vez mais adeptos por conta de sua eficácia.

1. Spirulina

A spirulina é uma alga muito eficaz no tratamento das compulsões alimentares, pois tem o sinônimo de proporcionador de saciedade.

Isso significa que o consumo dessa alga faz com que a pessoa tenha a vontade de comer diminuída.

É óbvio que não é algo bom para quem come pouco, mas para a situação inversa faz muito bem.

Por que reduz a sensação de fome?

A spirulina reduz a sensação de fome porque contém um alto nível de açúcares complexos de dissolução lenta.

Além disso, a spirulina é uma alga muito nutritiva, então você terá muitos benefícios ao consumi-la.

2. Fucus vesiculosos

Essa é outra espécie de alga de extrema importância para quem sofre de compulsão alimentar.

As propriedades dessa alga, também conhecida como bodelha e fava-do-mar, fazem com que a pessoa que a consome emagreça rapidamente, e por isso essa alga está sendo usada amplamente no tratamento da obesidade.

Se a sua compulsão alimentar levou a situação a níveis extremos, nos quais há um excesso de peso difícil de voltar para o normal, a fucus vesiculosos vai ser uma grande aliada no seu processo de recuperação.

3. Guaraná

Você certamente conhece o refrigerante de guaraná, mas os benefícios de consumir essa fruta de forma natural é bastante útil para ajudar no processo de recuperação do aumento de peso.

Além disso, se consumido com frequência proporciona uma queda nas possibilidades de o seu peso voltar a subir, pois o guaraná tem propriedades que auxiliam na retirada da fome, tanto que é usado na Amazônia por tribos, a fim de ajudarem no jejum.

Essas tribos esmagam as sementes de guaraná e fazem uma pasta com elas, para depois consumi-la.

4. Chá mate

O chá mate é uma bebida com dezenas de benefícios para o corpo, e por isso você deve pelo menos considerar fazer o uso dele para diminuir um pouco o apetite e emagrecer.

O chá mate atrasa o tempo do esvaziamento gástrico, o que faz com que a pessoa sinta que está satisfeita.

É o tipo de medida necessária para quem costuma “beliscar” entre as refeições.

Se você come muita comida por conta da ansiedade, isso é mais um motivo para que você consuma o chá mate.

Consuma esse chá algumas poucas vezes por dia, e logo você perceberá que estará comendo menos e em um corpo que pode parecer mais agradável.

Você apenas deve se atentar às contraindicações do chá mate.

Essa é uma bebida que não deve ser consumida se você sofre de hipertensão, nervosismo, ansiedade ou gastrite.

Se você está grávida ou amamentando, também é melhor que não consuma o chá, apenas por segurança.

5. Aveia

A aveia é outro alimento que pode produzir a saciedade.

Dessa forma, você não precisará comer muito para se sentir satisfeito.

Se você come mais do que o necessário, comer um pouco de aveia todos os dias vai reduzir o seu apetite e fazer, a longo prazo, com que você emagreça.

Você tem aveia na sua casa?

Então, você tem o que precisa para diminuir a obesidade e da compulsão por comida.

6. Sementes de abóbora

As sementes de abóbora são uma maneira fácil de diminuir o apetite, porque, assim como os alimentos citados neste artigo, provocam saciedade, diminuição do desejo de comer.

Tenho certeza que você terá uma melhora nesse aspecto ao consumir essas sementes diariamente.

7. Sementes de chia

O último remédio que você aprenderá neste artigo é o de sementes de chia, sendo também um dos melhores para diminuir o apetite por trazer saciedade.

Você deve tomar uma colher de chá de sementes de chia em um copo de água 30 minutos antes das principais refeições.

Ou seja, você vai tomar esse remédio 3 vezes por dia.

Espero que este artigo tenha lhe fornecido as dicas que você precisa para comer menos e acabar emagrecendo.

Receitas caseiras para afta

As aftas são como feridas, pequenas erosões brancas que são cercadas por uma área avermelhada.

Elas costumam aparecer na boca, no interior das bochechas, na língua ou no palato.

A aparência delas às vezes pode ser confundida com herpes labial, mas essas duas coisas têm uma diferença muito grande: as aftas, diferentemente da herpes, não são contagiosas e geralmente ficam dentro da boca.

Neste texto você vai conhecer receitas caseiras para afta.

Qual a causa da afta?

Ainda não foi descoberta a causa específica da afta, mas ela parece estar associada a problemas no sistema imunológico, vírus ou bactérias.

Se você fuma, passa muito tempo estressado, não higieniza a boca ou tem lesões na região, é mais provável que venha sofrer com aftas.

Elas são inofensivas, ou seja, não trarão maiores problemas do que a sensação irritante ao comer, beber alguma coisa ou fazer a higiene bucal.

Abaixo você encontra as melhores receitas caseiras para afta.

1. Água com sal

O tratamento de água com sal é um dos mais efetivos, mas também, quando for aplicado, gerará uma forte sensação de queimação na região, pois o contato do sal com a ferida produz esse efeito.

O melhor desse tratamento é que, além de efetivo, é muito barato.

Você não vai gastar praticamente nada com ele, pois o sal está na cozinha de qualquer pessoa.

Você vai precisar de:

  • ½ colher de chá de sal (2,5 g);
  • 1 copo de água (200 ml).

Para fazer o tratamento você precisa:

  1. diluir meia colher de chá de sal na água, a fim de criar uma solução salina.
  2. Depois, você precisa pegar uma parte do líquido e gargarejar por 30 segundos, fazendo depois um bochecho por toda a boca.

Esse tratamento deve ser feito 3 vezes por dia.

2. Chá de calêndula

O chá de calêndula é muito bom para o tratamento das aftas, pois a planta tem propriedades anti-inflamatórias e antibacterianas que são essenciais para a cicatrização dessas aftas tão incômodas.

Você vai precisar apenas de:

  • 1 colher de chá de flores de calêndula;
  • (5 g) e 1 copo de água (200 ml).

Para fazer o chá você apenas precisa:

  1. colocar um copo de água para ferver e adicionar a colher de chá de flores de calêndula.
  2. Depois de alguns minutos, você já pode retirar a infusão do fogo e deixar o chá descansar.

Você deve gargarejar o líquido quente várias vezes ao dia, mas é importante que, apesar de quente, ele não esteja quente o bastante para queimar a boca e a garganta.

3. Leite de coco

Você já ouviu falar nos benefícios do leite de coco para o nosso corpo?

Existe uma série deles, já que o líquido é obtido da polpa branca do coco, que tem propriedades ótimas para curar as feridas, as aftas, na boca.

Para isso, você apenas vai precisar de:

  • 100 g de coco ralado;
  • ½ copo de água (100 ml).

Você deve primeiro:

  1. aquecer a água, para então colocá-la no liquidificador junto com o coco ralado.
  2. Deixe processar por alguns minutos, para então coar.

Você não vai beber o leite de coco, mas sim lavar a boca com ele de duas a três vezes por dia até ter eliminado as aftas.

4. Aloe vera

Você conhece os benefícios da aloe vera, também conhecida como babosa?

O suco de aloe vera é bastante benéfico, mas o gel também pode ser aplicado em feridas, como aftas, a fim de ajudar na cicatrização.

Afinal, a babosa possui ação antisséptica, anti-inflamatória, bactericida e hidratante.

Para fazer esse remédio você vai precisar de:

  • 1 colher de sopa de gel de aloe vera (15 ml) ;
  • ½ copo de água (100 ml).

Primeiramente você precisa:

  1. processar os dois ingredientes no liquidificados até se tornarem uma mistura líquida.
  2. O suco resultante deve ser usado como enxaguante bucal.
  3. Além disso você ainda pode colocar um pedaço de babosa na afta.

5. Chá de camomila

O chá de camomila é uma bebida com propriedades antissépticas e anti-inflamatórias que vão cair como uma luva se você sofre de aftas.

Além disso, esse chá pode ser usado para proteger a pessoa de possíveis infecções.

Você vai precisar apenas de:

  • 1 colher de sopa de flores de camomila frescas (10 g):
  • 1 copo de água (200 ml).

O tratamento consiste em primeiramente:

  1. fazer o chá colocando o copo de água para ferver, e, depois de ele alcançar esse ponto, ferver as flores de camomila;
  2. Abaixar o fogo e deixar infundir por mais 5 minutos;
  3. Depois, você deve deixar o líquido descansar por alguns minutos, para depois coar e usar o líquido resultante para gargarejar.

Isso deve ser feito três vezes por dia.

6. Gelo

O último tratamento é o mais simples e barato, pois basta enrolar um cubo de gelo em um pano limpo e aplicá-lo diretamente sobre a afta.

O gelo tem ação anti-inflamatória que, se feito com constância, ajuda a melhorar o quadro.

Receitas caseiras para acabar com a caspa

É quase certo que você sofre de caspa ou conhece alguém que sofre disso, pois esse problema no couro cabeludo é bastante comum.

Mas, mesmo sendo um problema comum, não é nem um pouco agradável, e o desconforto causado por ele é capaz de até mesmo reduzir a sua autoestima.

Neste texto você vai descobrir por que a caspa surge e como fazer para eliminá-la por completo.

O que é a caspa e por que ela surge?

A causa da caspa é um fungo que vive no couro cabeludo de todas as pessoas.

Acontece é que o fungo pode se reproduzir mais do que o normal por mudanças no metabolismo

A caspa, então, não passa de células de células mortas causadas por um fungo que se reproduziu em grande quantidade.

Mas o que causa essa alta reprodução?

Ainda não se sabe a causa específica da caspa, mas se sabe que a caspa pode aparecer em pessoas que sofrem alterações emocionais ou psicológicas muito grandes, como quem passa por estresse no dia a dia.

Além disso, o fungo da caspa pode se reproduzir demais por conta de alergia a diversos alimentos, mudanças de estações e transpiração excessiva.

Como é o tratamento da caspa?

O tratamento para a caspa é uma combinação de aplicação no couro cabeludo com uma dieta rica em zinco, mas sabe-se que a deficiência de zinco pode causar esse problema de saúde.

Então, além de fazer um dos tratamentos que serão receitados mais abaixo, você deve comer alimentos como:

  • Alho;
  • Grão de bico;
  • Ostras;
  • Abóbora e suas sementes;
  • Gergelim;
  • Carnes vermelhas;
  • Amendoins;
  • Chocolate escuro.

Receitas caseiras para acabar com a caspa

De todas as receitas para combater a caspa, abaixo você encontra as melhores.

Lembre-se de combinar uma delas com uma dieta rica em zinco para acabar de vez com a caspa.

1. Azeite de oliva

Entre os azeites disponíveis, é preferível que você utilize o azeite extra-virgem, pois ele será mais útil para o combate à caspa.

O azeite de oliva é considerado um creme capaz de combater a secura do couro cabeludo, e por isso será bastante útil.

Você precisará da quantidade necessária de azeite extra-virgem para a sua cabeça.

Esse azeite precisará ser aquecido até ficar morno.

Depois você deve massagear o couro cabeludo com o azeite e em seguida enrolar uma toalha na cabeça por 30 minutos.

Para remover a caspa seca, você precisa escovar o cabelo com força, para então lavá-lo como de costume.

2. Óleo de coco

O óleo de coco é bastante benéfico para no nosso corpo, e, quando usado na cabeça, tem a propriedade de remover a caspa do couro cabeludo.

Acontece que esse utensílio tem propriedades antifúngicas e de hidratação, o que reduz a reprodução do fungo e alivia a coceira.

Você vai precisar misturar uma parte de óleo de coco com outra parte de suco de limão, sendo duas metades.

Você deve massagear a mistura no couro cabeludo por 20 minutos, para então lavar o cabelo como costuma lavar.

O tratamento deve ser repetido duas ou três vezes por semana.

3. Lilás indiano

O lilás indiano conta com propriedades antissépticas e antibacterianas que tratam de problemas como caspa, acne no couro cabeludo e até queda de cabelo.

Você vai precisar de um litro de água e um punhado de folhas de lilás indiano.

Você precisa colocar as folhas de lilás indiano na água e colocar no fogo até chegar no ponto de ebulição.

Quando isso acontecer, você deve deixar esfriar e coar, e deve fazer esse procedimento de duas a três vezes por semana.

4. Vinagre de maçã

O vinagre de maçã é importante no combate à caspa por vários motivos.

Na verdade, ele é benéfico para o cabelo como um todo, pois restaura o pH do couro cabeludo e limpa poros entupidos e folículos pilosos.

Para isso, você apenas vai precisar de:

  • 2 colheres de sopa de vinagre de maçã;
  • 2 colheres de sopa de água;
  • 15 a 20 gotas de óleo de tea tree

O primeiro passo é misturar todos os ingredientes e, uma vez que a mistura está feita, massagear todo o couro cabeludo, deixando a mistura agir por alguns minutos.

Depois você só precisa lavar o seu cabelo normalmente.

Deve repetir a operação de duas a três vezes por semana.

5. Vinagre de vinho branco

A última receita caseira para acabar com a caspa que temos para apresentar neste texto é o vinagre de vinho branco, que é excelente para tratar essa condição no couro cabeludo.

Esse vinagre tem ácido acético, que impede o crescimento dos fungos e bactérias no couro cabeludo.

Para essa mistura, você vai precisar de uma parte de vinagre branco e três partes de água.

O primeiro passo é

  1. misturar o vinagre com a água;
  2. Com essa mistura lavar o cabelo e o couro cabeludo.
  3. O enxágue deve ser feito com muita água.

Receita caseira para torcicolo

Só quem já teve um torcicolo pode dizer o quão ruim é.

O torcicolo é uma contração dos músculos do pescoço que faz com que a pessoa não consiga mexer a cabeça corretamente, o que causa dor e faz você sentir a sensação de estar sendo puxado.

Se você prefere não tomar analgésicos para melhorar, pode se beneficiar por meio das receitas caseiras para torcicolo descritas abaixo.

Sintomas do torcicolo

O torcicolo possui sintomas característicos de fácil reconhecimento.

A pessoa que sofre com isso sente, por exemplo:

  • rigidez no pescoço;
  • dor forte no pescoço ao tentar fazer um movimento específico;
  • dor ao se encostar em determinadas posições.

Abaixo, você encontra as melhores dicas e procedimentos caseiros para melhorar desse problema em questão de horas.

Receitas caseiras para torcicolo

Quando uma pessoa tem torcicolo pela primeira vez, a situação pode ser tão intensa que não parece ter fim, mas, com os procedimentos corretos, você consegue se livrar desse problema em questão de horas.

1) Calor

O calor é muito importante para tratar o torcicolo, e por isso é indicado que você realize compressas quentes na região do pescoço, apertando por cerca de 20 minutos.

Além disso, você ainda pode tomar um banho quente com a cabeça curvada para baixo, a fim de a água do chuveiro entrar em contato com o pescoço.

A água deve estar o mais quente que você puder aguentar.

Esse tratamento com calor faz com que os músculos do pescoço se relaxem e a dor seja diminuída consequentemente.

2) Repolho

O repolho também tem muitos benefícios para quem sofre de torcicolos. Basta esmagar uma folha de repolho usando um rolo.

Em seguida, você deve esquentar os pedaços de repolho e colocá-los ainda quentes em cima da área dolorida, deixando-os lá pelo maior tempo que você conseguir.

3) Cânfora e alho

A cânfora e o alho separados já ajudam a tratar o torcicolo, mas os benefícios ficam ainda melhores quando você mistura os dois.

Para esse tratamento, você vai precisar fazer uma pasta com a mistura de um dente de alho triturado e algumas gotas de óleo essencial de cânfora.

Com essa pasta, você vai fazer movimentos de massagem suave na área do pescoço em que você sente a dor.

O torcicolo também pode ser gerado após um acidente, por exemplo, e, nesse caso, se você quer melhorar dessa condição é indicado que misture essa pasta à tintura de arnica, para então esfregar na área dolorida.

4) Orégano

O orégano é perfeito para quem sofre de dores cervicais, pois suas propriedades garantem uma melhora nas dores dessa região.

O chá de orégano é feito da seguinte forma:

  1. você deve misturar uma colher de sopa;
  2. ¼ de litro de água e colocar a ferver.

Você deve beber esse chá de duas a quatro xícaras por dia.

Além desse remédio, você pode fazer um emplastro com folhas de orégano e um pouco de água quente, para passá-lo na pele e deixar que a mistura penetre a área afetada.

O chá de orégano não é recomendado para alguns casos.

Se você sofre de anemia, é melhor não tomar esse chá, pois ele dificulta a absorção de ferro.

Também não é recomendado para pessoas alérgicas ao pólen ou sensíveis a essa planta.

Crianças e mulheres grávidas ou que amamentam não devem consumir esse chá.

5) Óleos essenciais

Você pode misturar cinco gotas de óleo essencial de camomila e cinco gotas de óleo essencial de eucalipto com 20 ml de óleo vegetal, que pode ser de girassol, azeite, ou milho.

Você não deve ingerir essa mistura, mas sim massagear o pescoço com ela várias vezes ao dia.

Dessa forma, a temperatura no pescoço vai aumentar, o que consequentemente vai diminuir a dor.

Como evitar ter torcicolo

Algumas ferramentas são indispensáveis para quem não quer ter torcicolo nunca mais.

O torcicolo começa a ficar mais comum em pessoas a partir dos 30 anos de idade, mas algumas técnicas podem ser usadas para diminuir a frequência.

A primeira delas é realizar exercícios cervicais suaves.

Consiste em exercícios que podem ser feitos em qualquer lugar e em praticamente todas as situações.

Com a cabeça, faça alguns movimentos circulares em sentido horário, para depois fazê-los em sentido anti-horário.

Depois, faça movimentos de cima para baixo, como se estivesse dizendo sim, e depois de um lado para o outro, como se estivesse dizendo não.

Em seguida, faça alguns movimentos levando as orelhas até os ombros, uma de cada vez, e então os ombros até as orelhas.

É muito importante que os movimentos sejam lentos, para que você aproveite o melhor dos exercícios.

Os exercícios são simples, mas o mais importante é que funcionam.

Além disso, é importante escolher o travesseiro ideal para você.

Ele não deve ser nem muito alto e nem muito baixo, pois nesses casos há maiores chances de você sofrer com torcicolos e outros problemas.

Receita caseira para tirar manchas de gravidez

O que você sabe sobre o melasma?

Você precisa saber, por exemplo, que o melasma também é conhecido pelo nome de hiperpigmentação e é o que, graças às alterações hormonais na gravidez, pode trazer manchas escuras para a pele, principalmente para o rosto, nesses períodos.

Você pode clarear essas manchas e até fazê-las desaparecer com as receitas caseiras .

Por que as mulheres apresentam manchas na gravidez?

A gravidez é um período repleto de mudanças hormonais que acabam provocando muitas mudanças nos corpos das mulheres.

Uma dessas mudanças é o possível surgimento de manchas quando a mulher está grávida.

Essas manchas podem durar anos ou a vida inteira, se não tratadas.

Abaixo, você encontra as melhores receitas caseiras para tirar essas manchas.

Receitas caseiras para tirar manchas de gravidez

1) Suco de limão

A primeira receita que você vai conhecer envolve suco de limão, que é um ótimo clareador natural da pele e que conta com propriedades adstringentes.

Além desses benefícios, o limão ainda é excelente para tirar manchas porque contém a acidez do suco que ajuda a remover a camada externa da pele.

Se aplicado na pele hiperpigmentada, você removerá uma camada dela.

Para fazer esse tratamento, você vai precisar:

  1. espremer o suco de um limão fresco;
  2. aplicar o suco nas áreas afetadas pelas manchas, esfregando suavemente por um ou dois minutos.
  3. Depois disso, você deve deixar o suco de limão na pele por 20 minutos, para então enxaguar com água morna.

Esse remédio precisa ser feito duas vezes por dia, e você provavelmente verá melhorias em 3 semanas.

Apenas tenha cuidado para não se expôr ao sol depois de fazer esse tratamento, pois isso pode fazer com que as manchas na sua pele fiquem piores, já que o limão não pode entrar em contato com o sol.

2) Pasta de cúrcuma

A cúrcuma é o nosso conhecido açafrão, que, além de ser um excelente tempero, também faz muito bem para a saúde.

O açafrão reduz a melanina na pele e ajuda a combater o problema de melasma que você estiver enfrentando.

Para completar, a cúrcuma tem propriedades antioxidantes e clareadoras da pele.

Para o tratamento você precisa:

  1. misturar cinco colheres de sopa de açafrão em pó com 10 colheres de sopa de leite.
  2. O próximo passo é adicionar uma colher de sopa de farinha, pois caso contrário a mistura ficará muito mole

O melhor leite a ser usado é o integral, pois em sua composição há o ácido lático e o cálcio, duas substâncias que esfoliarão e suavizarão a pele.

Você deve aplicar toda essa mistura na área afetada e deixar lá por 20 minutos, para então lavar com água morna e secar com uma toalha limpa.

Para conseguir os melhores resultados, você precisa fazer esse tratamento todos os dias.

3) Suco de cebola

A cebola é um outro alimento cheio de propriedades para o nosso corpo.

Um de seus benefícios é melhorar a aparência das manchas na nossa pele, inclusive as manchas causadas na gravidez.

Em seus compostos, a gente encontra enxofre, que é muito útil para esses casos.

Para fazer esse tratamento você precisa primeiramente:

  1. pegar e picar duas ou três cebolas.
  2. Depois disso coloque os pedaços em uma tira de gaze e os esprema para extrair o suco.
  3. O próximo passo é medir a quantidade de suco de cebola que tem e misturar com a mesma medida de vinagre de maçã.
  4. Você deve aplicar com uma bola de algodão, deixando por 20 minutos e depois lavando com água morna.
  5. Esse tratamento precisa ser feito duas vezes por dia durante algumas semanas.

4) Farinha de aveia

No último tratamento que temos para ensinar a vocês, você vai precisar de farinha de aveia, leite e mel.

Esses três ingredientes juntos garantem um remédio perfeito para remover as células mortas da pele e acabar com as manchas marrons presentes.

Para fazer o tratamento você precisa:

  • misturar duas colheres de sopa de farinha de aveia em pó;
  • duas colheres de sopa de leite;
  • uma colher de sopa de mel, a fim de criar uma espécie de pasta.
  • O próximo passo é aplicar a mistura na área afetada, deixando-a por 20 minutos e em seguida retirando com água.
  • Você deve secar o rosto com uma toalha limpa

Você precisa fazer esse tratamento de duas a três vezes por semana por um mês e logo você verá os resultados.

Dica: é ideal que você escolha o mel mais puro possível, mesmo sendo mais caro.

Ele conserva melhores benefícios para o corpo e certamente vai fazer com que o tratamento tenha melhor efeito.