Soja e seus benefícios

Bruno G. Costa

Bruno G. Costa

Saiba mais em CLIQUE AQUI
Sou mineiro "Uai", psicólogo de formação e estudioso ...
Bruno G. Costa

Últimos posts por Bruno G. Costa (exibir todos)

A soja é uma leguminosa bastante associada com o consumo dos vegetarianos, pois é algo que substitui a carne. Mas saiba que a soja não é apenas uma alternativa para quem não quer comer carne, é também um elemento que pode trazer muitos benefícios para o nosso corpo e que por isso deve ser consumido com alguma frequência.

A soja é um alimento que tem uma grande quantidade de proteínas e por isso é a melhor opção para quem se abstém de comer carne. Com um gosto interessante, a soja pode ser feita de diversas formas, então você não precisa se limitar à soja feita de maneira costumeira.

Neste texto você vai conhecer a soja e os seus benefícios.

Os produtos da soja

A soja é um alimento vindo da família das leguminosas que é cultivado por suas sementes. Como produtos derivados da soja, temos algumas opções, mas os que mais se destacam são o óleo de soja e o farelo de soja.

Veja outros produtos derivados da soja

  • leite de soja
  • molho shoyu
  • tofu
  • proteína texturizada de soja
  • missô
  • okara

Você já consumiu algum desses itens? O que achou? A soja consumida nas suas mais variadas formas traz muitos benefícios para o nosso corpo, e abaixo você encontra uma lista com grandes benefícios da soja.

Propriedades nutricionais

Primeiramente, precisamos falar sobre as propriedades nutricionais que a soja e os alimentos derivados dela possuem.

Nós podemos destacar, por exemplo, a proteína de origem vegetal, as gorduras poli-insaturadas, as fibras, as vitaminas e os minerais em abundância. Com uma grande quantidade de todos esses itens, é recomendado que você, mesmo que não seja vegetariano, consuma soja de vez em quando.

Colesterol

O colesterol é um dos grandes inimigos da nossa saúde, fazendo com que alguns de nós sucumbam em meio a doenças cardíacas, por exemplo.

Os níveis elevados de colesterol fazem com que uma pessoa possa sofrer de problemas cardíacos. Para se beneficiar e diminuir a chance de isso acontecer, você pode consumir alguns tipos de alimentos, e um deles é a soja.

De acordo com a Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos, 25 gramas por dia de proteína de soja são o suficiente para diminuir os níveis de colesterol do nosso corpo e evitar problemas cardíacos.

Substituto da carne

Se você é uma pessoa que decidiu se abster de carne para toda a vida não precisa se envergonhar ou se sentir mal por isso. É uma escolha que precisa ser respeitada. Mas a partir do momento em que você decide parar de comer carne precisa repor os itens presentes na carne.

Uma das maneiras de fazer isso com sucesso é consumindo a soja. A soja tem um conteúdo limitante em um aminoácido de nome metionina e cai muito bem com cereais como o arroz, a aveia e a quinoa — da qual falamos em um texto só para ela. Dessa forma, conseguimos formar uma proteína de alta qualidade.

Menopausa

A menopausa é um momento que toda mulher a partir de determinada idade pode enfrentar. Esse problema é praticamente inevitável, mas podem ser atenuados os sintomas claustrofóbicos como sensação de calor e frio intensos e mudanças de humor, além de outros problemas. Dessa forma, você consegue se adaptar melhor ao problema até ele passar.

Além de ajudar na situação de menopausa, a soja é eficiente para ajudar na melhora dos distúrbios menstruais, afinal, é um produto que contém as chamadas isoflavonas, que são um tipo de fitoestrógenos.

Obesidade e diabetes

A obesidade e o diabetes são dois problemas de saúde muito graves e que precisam de um tratamento contínuo. Alimentos à base de soja podem ser usados por pacientes obesos e diabéticos, pois, pelo fato de ter um baixo índice glicêmico, são eficazes para auxiliar o tratamento e evitar a piora desses quadros.

Pressão arterial

A pressão arterial alta também é um dos grandes problemas que podem afetar vários tipos de pessoas. Sorte das pessoas que consomem soja, pois em sua composição se encontram as isoflavonas, que são substâncias capazes de reduzir a pressão arterial.

Funciona da seguinte maneira: ao consumir a soja, o corpo produz óxido nítrico que dilata os vasos sanguíneos, o que é muito útil para tratar a pressão arterial alta.

Antioxidante e hidratante

A soja é um alimento que contém uma boa quantidade de substâncias antioxidantes e hidratantes para a pele. Dessa forma, nosso corpo estimula a formação de colágeno, que mantém a elasticidade da nossa pele e impede que soframos de flacidez, além de evitar que nosso rosto fique seco e feio.

Proteína

Ainda falando sobre os benefícios externos que deixam o nosso corpo mais belo, podemos citar que a principal propriedade da soja é a proteína. Essa proteína restaura a pele e é responsável pela melhora da textura dos pés, mãos, cotovelos e joelhos, regiões do corpo que podem apresentar uma aparência mais maltratada.

Cabelo

O óleo de soja também tem benefícios para melhorar as condições do nosso cabelo. Com o consumo de soja, o nosso cabelo adquire uma força e brilho surpreendentes. Claro que é preciso dizer que não é possível se beneficiar se você consome a soja apenas uma vez ou outra. Você precisa consumir esse item com frequência.

Para o cabelo, o óleo de soja deve ser consumido com alguma frequência para melhorar a condição dos nossos fios. Mas você também pode consumir a soja por si só para beneficiar o seu cabelo. A soja é um item que vai cuidar para o seu cabelo não ficar seco e danificado, e ainda o hidratará e dará brilho a ele.

Qual é a melhor maneira de consumir a soja?

A soja pode ser consumida de diversas maneiras, como pelo óleo de soja ou o farelo de soja, dois itens cheios de benefícios para o nosso corpo. Mas essas não são as melhores maneiras de consumir esse produto natural.

A melhor maneira de consumir a soja é preparando-a como alimento, como se fosse carne. Consumir os grãos da soja é o ideal para adquirir por completo os benefícios desse produto natural.

Há contraindicações?

A soja é um produto muito benéfico para a nossa saúde e agora você sabe disso muito bem, mas não está livre de contraindicações. Em alguns casos é recomendado não consumir a soja, e agora você verá quais são eles.

Primeiramente é preciso dizer que o consumo de soja não é recomendado em grandes quantidades ou por um período muito grande de tempo, pois pode causar problemas como flatulência, peso e dor no estômago. Se você sofre de transtorno do intestino irritável, digestão lenta ou gases, é mais recomendado que não consuma esse produto.

A soja também não é recomendada para mulheres que sofrem de câncer de mama ou câncer endometrial, pois pode interferir nessas condições de saúde.

Se você sofre de hipotireoidismo, não é necessário parar de comer soja, mas é recomendado que você diminua a quantidade de consumo. O consumo excessivo de soja pode reduzir a testosterona nos homens, o que causa uma diminuição na libido que nada mais é que o apetite sexual.

Os suplementos de soja como a lecitina de soja, só devem ser consumidos com o conhecimento e o aval do seu médico. O uso incorreto desses suplementos pode trazer problemas para a sua saúde.